>A casa não contabilizada – 7: As declarações de bens de Sarney.

>

Eu sabia que a informação sobre os bens declarados por José Sarney à Justiça Eleitoral do Amapá não tardaria a se tornar pública. No ótimo Políticos do Brasil, do portal UOL, é possível consultar as duas declarações controvertidas de Sarney, a de 1998 e a de 2006.
Uma olhadinha rápida permite perceber que a casa não contabilizada de Sarney realmente não foi declarada ao Poder Judiciário em nenhum dos pleitos referidos. Aliás, isso já foi admitido pela própria assessoria do maranhense, segundo quem tudo não passou de um erro, fruto de um equívoco, causado por um esquecimento. Sim, eles tiveram a coragem de escrever isso mesmo…

Depois de analisar o patrimônio declarado pelo autor de Saraminda, fiquei mais propenso a acreditar que tudo não passou de um errinho inocente… Afinal, alguém com tantos bens, pode perfeitamente se esquecer de uma singela casa muito engraçada de APENAS 4 milhões de reais! Ainda mais quando se tem em mente aquele precedente do auxílio-moradia, que foi depositado durante meses na conta do autor de Breja dos Guajas, sem que ele percebesse… Como era mesmo que De Gaulle dizia? Lembrei: “Le Brésil n’est pas um pays sérieux.” E não é mesmo.

Anúncios

Uma ideia sobre “>A casa não contabilizada – 7: As declarações de bens de Sarney.

  1. Amapaense honesto

    >Engraçado, mas eu notei que ele tem muitas propriedades na Maranhão e em Brasília. Mas em Macapá quase nada. Não é curioso, afinal ele é senador pelo Amapá, né? Cada coisa.

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s