>20 anos da queda do muro de Berlim.

>

“Mister Gorbatchov, tear down this wall!”
Foi usando a frase acima que Ronald Reagan, um dos maiores estadistas da história, clamou pelo fim – ao menos simbólico – do maior mal que a humanidade já conheceu: o comunismo.
Ao desafiar a maior autoridade soviética, em plena Berlim, a colocar abaixo o muro da vergonha, Reagan traduziu em palavras um sentimento que, politicamente, já amadurecia há algum tempo no coração do mundo livre.
Por que a referência a Reagan? Porque ele, juntamente com Margareth Thatcher e o Papa João Paulo II representam a trinca diretamente responsável por provocar a implosão definitiva da máquina de matar comunista, salvando o mundo livre das garras daquele demônio assassino. Não é sem motivo que, mesmo nos dias de hoje, os três sejam repetidamente tratados como as bestas-fera das esquerdas radicais e filosoviéticas. Mas o importante é que eles venceram!
Sim, venceram. A palavra é essa mesma, afinal aquilo foi uma guerra. Possivelmente a mais importante que o mundo jamais enfrentou, pois, se tivesse vencido o comunismo, o resultado seria o já conhecido: morte, miséria e terror. Só que numa escala planetária! Não duvidem: eles poderiam facilmente ter provocado o fim da raça humana! Basta ver que, restriro a uma dúzia de países, conseguiu matar mais de 100 milhões de pessoas.
A lógica e o bom-senso não deixam margem a nenhuma dúvida: o sonho negro comunista, aquele que pretendia criar um “novo homem”, está enterrado! Não é assim porque eu quero. É assim porque nenhuma nova sociedade poderá nascer a partir do crime e do terrorismo. Nenhuma liberdade ou igualdade poderá ser resultado da perseguição, da tortura e do assassinato. Uma árvore viciada, por óbvio, não pode dar frutos bons…
A comemoração pelos 20 anos da queda daquele muro é, portanto, absolutamente necessária. Porém, temos que nos colocar algumas questões de enorme importância. Por que o fantasma de uma ideologia tão pútrida ainda continua a assombrar o mundo livre? Tomemos o caso do fascismo e do nazismo. Hoje em dia, todos sabem que essas duas correntes estão politicamente mortas, relegadas a alguns guetos mentais incrustados nas cabeças de uma meia-dúzia de celerados. Ninguém em parte alguma do mundo admite um nazista ou um fascista num debate político, afinal a utopia deles é sanguinária demais. E é muito bom que seja assim!
O que não entendo é por que diabos tanta tolerância com o comunismo e com o socialismo… É preciso fugir da armadilha retórica criada pelos utopistas da pocilga marxista, que ainda hojem rejeitam o legado de terror do comunismo soviético e se saem com a seguinte pérola: “Ah, mas esse foi o socialismo real. O nosso é diferente.” Santo Deus! O mundo não é uma Matrix! Em matéria de política, a única coisa que há é o real. Nada mais. Assim, o socialismo real é o único socialismo que há! Querem ser socialistas e comunistas? Que sejam. Mas carreguem sobre os ombros os MAIS DE 100 MILHÕES DE CADÁVERES que a ideologia porca de vocês produziu!
O fato é que a ninguém deve ser dado carregar o estandarte sanguinolento do comunismo impunemente. Quem o fizer, deve ser confrontado com o único legado real daquela pocilga: a morte! Há 20 anos, o mundo livre venceu uma das mais importantes batalhas já travadas. E venceu porque não poderia ser de outra forma: o ser humano, um indivíduo livre por natureza, não poderá jamais ser amoldado às utopias coletivistas de qualquer jaez.
A batalha, porém, continua. Ainda hoje, é necessário pedir aos vários entusiastas da pocilga marxista que “derrubem seus muros”.
Anúncios

Uma ideia sobre “>20 anos da queda do muro de Berlim.

  1. Celso78

    >Mais uma data histórica, que simboliza bem demais a luta pela liberdade.Parabéns por ressaltar o papel de Reagan, tão difamado pelos adoradores do comunismo espalhados pelo mundo.

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s