>Operação mãos limpas: Josias de Souza comenta "mensalãozão" do Amapá.

>

Abaixo um texto publicado no blog do Josias de Souza:
O mensalão, como se sabe, virou algo corriqueiro na política nacional. Arroz de festa, como se diz.
Há o mensalão do PT federal, o do PSDB de Minas, o do DEM de Brasília… Surge agora o mensalãozão de Waldez de Góes.
Ex-governador do Amapá, Waldez é candidato ao Senado pelo PDT. Integra o seleto grupo de José Sarney (PMDB).
Dispunha, até uma semana atrás, do apoio de Lula. Levava à propaganda de TV uma mensagem em que o presidente pedia que votassem nele.
Preso pela Polícia Federal, Waldez desfruta das facilidades do PF’s Inn, em Brasília. E os podres que o rodeiam começam a ganhar as manchetes.
Deve-se ao repórter João Carlos Magalhães uma revelação estarrecedora: suspeita-se que Waldez recebia propina mensal de R$ 500 mil.
A cifra foi aos autos do inquérito que apura os malfeitos da elite política do Amapá graças a depoimento colhido pela PF.
Relatou-se que o mensalãozão de Waldez brotava de um contrato firmado para fornecer comida aos presos do sistema carcerário amapaense.
Quem contou à polícia foi um assessor jurídico da Secretaria da Segurança Pública do Amapá. Chama-se Luiz Mário Araújo de Lima.
A história mostra que, no Brasil, acima de um certo nível de renda, os criminosos não costumam ser condenados. Cadeia? Nem pensar.

A cana de Waldez, por temporária, deve ser relaxada na semana que vem. Na improvável hipótese de ser condenado um dia, o Judiciário deve agir com cautela.
Não convém submeter o ex-governador a um convívio com os detentos do Amapá.
Imagine-se o que fariam com ele os companheiros de cela depois de saberem que, sob a gororoba que lhes servem diariamente, escondia-se o escárnio.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s