>POLÍCIA FEDERAL LIGA QUEBRA DE SIGILO À CAMPANHA DE DILMA!

>

Da Folha de São Paulo (íntegra, para assinantes, aqui):
Investigação da Polícia Federal fez conexão entre a quebra do sigilo fiscal de pessoas ligadas ao candidato José Serra (PSDB) e o dossiê preparado pelo chamado “grupo de inteligência” da pré-campanha de Dilma Rousseff (PT).
A PF já descobriu quem encomendou as informações: o jornalista Amaury Ribeiro Jr., ligado ao “grupo de inteligência”.
Também identificou o homem que intermediou a compra dos dados obtidos ilegalmente em agências da Receita no Estado de São Paulo. Trata-se do despachante Dirceu Rodrigues Garcia.
O elo foi estabelecido a partir do levantamento de ligações entre o despachante e o jornalista revelado pelo cruzamento de extratos telefônicos obtidos pela PF com autorização judicial.
(…) Em depoimento à polícia neste mês, Garcia confirmou que Amaury pagou pelos dados da filha e do genro de Serra, Verônica e Alexandre Bourgeois, do dirigente tucano Eduardo Jorge e de outros integrantes do PSDB. O despachante disse ter recebido R$ 12 mil pelo trabalho.
O “grupo de inteligência” era responsável pelo levantamento de informações e confecção de dossiês que pudessem ser usados na campanha contra os adversários.
Amaury até hoje negava que estivesse trabalhando para a campanha do PT. Mas ele participou de reunião da “equipe de inteligência” em 20 de abril deste ano, num restaurante de Brasília.
Na época, o responsável pela comunicação da pré-campanha de Dilma era o jornalista Luiz Lanzetta, que participou do encontro. O flat em que Amaury estava hospedado em Brasília era pago pelo partido.
Desde que a existência do grupo foi revelada pela revista “Veja”, Amaury atribui a uma ala do PT o furto de informações de seu computador pessoal e o vazamento “por interesse político”.
Em um primeiro momento, o despachante Garcia afirmou à PF não ter envolvimento com o caso. Mas, confrontado com o histórico de telefonemas dele com Amaury, admitiu o pedido e a execução dos serviços.
(…)
Comento: Eis aí… Num país minimamente civilizado, a candidatura de Dilma estaria acabada! Aqui, no Brasil, ela tem chances reais de ser eleita presidente… Isso diz muito sobre a natureza simiesca deste país.
O que vai acima não pode mais ser chamado de “boato” ou de “jogo sujo” pelo petismo. Há uma investigação consistente e acusações gravíssimas, que batem à porta da candidata Dilma Rousseff. Ela – claro! – não sabia de nada… Assim como no caso Erenice, que também praticava falcatruas as mais diversas na sala ao lado.
Os fatos, porém, falam por si: A QUEBRA ILEGAL DOS SIGILOS FISCAIS DE PESSOAS LIGADAS A JOSÉ SERRA SE DEU PARA ATENDER A INTERESSES DA CAMPANHA DE DILMA ROUSSEFF!
P.S.: Onde estão os áulicos da justiça eleitoral agora? Onde estão os desembargadores que tiveram coragem de censurar uma manifestação legítima da CNBB? Onde está a polícia que prendeu um indivíduo apenas por distribuir panfletos contrários ao aborto? Enfim, onde estão os defensores do tal “equilíbrio do pleito” agora? Porque, convenhamos, o que vai relatado acima tem o poder de “desequilibrar o pleito” de forma muito mais danosa do que qualquer panfletinho cristão, não é?
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s