>VIOLÊNCIA NO RIO: Bandidos incendeiam van e impedem a saída de passageiros.

>

Do O Globo Online (íntegra aqui).
Novos ataques levaram medo aos cariocas na manhã desta quarta-feira. Quatro pessoas ficaram feridas após uma van ser incendiada na Estrada da Urucânia, em Santa Cruz, e foram levadas para o Hospital Rocha Faria. Segundo a trocadora do veículo, identificada como Eliane, os bandidos teriam impedido que ela, o motorista e dois passageiros descessem do veículo, que estava em chamas. Eles sofreram queimaduras nas pernas, foram medicados e liberados. Desde o início da madrugada, pelo menos dez carros, uma van e cinco ônibus foram incendiados. (…)
Comento: Esqueçam a pregação sociológica (e politicamente correta, claro!), segundo a qual é preciso “integração entre a comunidade e a polícia”. Tapem os ouvidos pra conversa de que “é necessário investir na ressocialização dos presos”. O que se vê hoje no Rio de Janeiro é uma ação terrorista! Isso precisa urgentemente ser assimilado pelas autoridades, que, só depois disso, terão condições de reagir da forma correta. Qual é essa forma correta? Caçar o inimigo, encontrar o inimigo e matar o inimigo!
Há um aparelho de guerra nas mãos dos bandidos cariocas, e esse aparelho foi colocado em movimento de forma clara hoje. Os bandidos do Rio não estão “reagindo à ação da polícia”, como quer fazer crer Sérgio Cabral, um governador cujo legado é o crescimento exponencial dos homicídios. O que a bandidagem está fazendo é simplesmente mostrar seu poder de fogo. Um poder de fogo capaz de parar um dos estados mais importantes da federação!
Vans incendiadas e passageiros presos dentro das chamas, impedidos de sair? Isso é ato de guerra! E o Estado só é tolerado por todos nós para nos defender desse tipo de coisa! QUE AS AUTORIDADES COLOQUEM, POIS, SEU APARELHO DE REPRESSÃO EM AÇÃO! Está na Constituição: ato de guerra – ou ato de terrorismo – se responde com o emprego das Forças Armadas! SIM, ESTOU FALANDO DO EXÉRCITO!
Não se pode negociar com a canalha, nem esperar cândidamente que cessem os ataques. É preciso enfrentamento implacável e determinado! É preciso caçar e prender cada um desses vagabundos que se ocupa de aterrorizar a sociedade civilizada. ELES QUEREM GUERRA? DAREMOS GUERRA A ELES! Bem… Isso se a sociologia pogreçista permitir, né? Não dou 24 horas para que apareça algum intelequitual na TV chamando os terroristas do Rio de “vítimas da exclusão social”. O sangue dos inocentes suja também a mão desses “humanistas”, que emprestam apoio moral ao terror! Deveriam ser caçados e presos também!
Anúncios

2 ideias sobre “>VIOLÊNCIA NO RIO: Bandidos incendeiam van e impedem a saída de passageiros.

  1. nazario

    >Yashá,Conheço um sujeito que disse justamente o oposto do que você escreveu.Para ele – que se gaba em ser "dotô" e professor da USP – os bandidos são mesmo fruto da exclusão social, e o estado não deve combatê-los de forma criminosa.Ou seja, – penso eu – o BOPE deve subir o Morro com orquídeas na mão direta e o manual dos direitos humanos na esquerda.O nome do dito articulista é um tal de Sakamoto, que escreve na folha.No currículo desse "japa" romântico consta que ele é favorável ao aborto, legalização da maconha, eutanásia e toda sorte de desgraça possível.Tendo um tempo, de uma passada no blog dele.Veja como age um comunista com a pena na mão.E depois, espume de raiva.Forte abraço!Olegário.

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s