>Graças aos belos olhos de Obama, ONU já autorizou o Ocidente a atacar Gaddafi.

>

Leiam o que vai abaixo, publicado na Folha Online (íntegra aqui):
O governo da Líbia anunciou nesta sexta-feira um cessar-fogo imediato no país, em obediência à resolução do Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas) aprovada na noite de quinta-feira e que permite aos países usar a força militar no país africano para proteger os civis.
A aprovação da resolução pela ONU era o obstáculo que os países citavam para não iniciar uma intervenção na guerra que se arrasta há um mês na Líbia, entre as forças leais ao ditador Muammar Gaddafi e rebeldes de oposição. Não há um saldo oficial atualizado, mas estimativas de organizações humanitárias falam em até 6.000 vítimas em mais de um mês de confrontos.
Pouco depois da aprovação, a França já iniciava seus preparativos e falava em um ataque “em horas”. O Reino Unido já deslocou seus aviões de guerra para bases próximas e a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) também já iniciara seus preparativos para uma intervenção.(…)
Comento:
Bom, em primeiro lugar fica claro que o governo Gaddafi tá se borrando de medo, afinal ele não é – como direi? – um Saddan… Gaddafi é um bufão caricato que controla, ainda, um exército, mas não tem sequer parte do poder de fogo que o iraquiano tinha. Em outras palavras, ele sabe que será paeado do poder rapidamente, razão por que anunciou um cessa-fogo imediatamente após a resolução da ONU.

Sim, a ONU… Que coragem do Conselho de Segurança, não? Rapidamente se reuniu, deliberou e votou uma resolução duríssima, que autoriza, sem meias palavras, uma ação militar externa na Líbia. E por quê? Para conter o maníaco genocida que insiste em atacar seu próprio povo dia após dia. Pergunto: por que diabos essa mesma ONU não achou válido abater Saddan, cuja pilha de cadáveres era infinitamente maior que a de Gaddafi?

É que durante a “era Bush”, os Estados Unidos eram governados pelos Republicanos, esses imperialistas dispostos a intervir em outros países. Agora é diferente. CHAAAAANGE! Hoje é Obama, o Presidente-de-ébano, quem dá as cartas no mundo. E ele é um Democrata. Um progressista. Enfim, um… imperialista disposto a intervir em outros países…
O que eu acho? Bom, acho que a OTAN tem mesmo que entrar na Líbia e abater Gaddafi! Sou, vocês sabem, um conservador: acho que um maníaco não pode ficar bombardeando o próprio povo impunemente. Acho, enfim, que ele precisa ser detido!
Eu não mudei. Apoiei a ação militar no Iraque, assim como apóio uma ação militar na Líbia. Quem mudou foram os pogreçistas – e a ONU! -, antes tão decididos ao condenar a “guerra de Bush”, mas hoje ligeiros em emprestar “justificativas humanitárias” as mais diversas a uma intervenção no país de Gaddafi. São a turma da moral maleável, que se amolda a todo tipo de realidade do momento…

O curioso é que qualquer “razão humanitária” apresentada para justificar a ação na Líbia estava também presente, e em escala muito maior, no Iraque!

Mas é aquela coisa: Bush era um Republicano; um reacionário; um conservador; um direitista. Bacana é Obama, um Democrata; um progressista…
Anúncios

Uma ideia sobre “>Graças aos belos olhos de Obama, ONU já autorizou o Ocidente a atacar Gaddafi.

  1. Douglas

    >O que nós não vemos é a luta política por trás desses ataques a o ditador.Antes das revoltas populares no oriente médio o “governo norte americano” era aliado do ditador e não só dele e sim de vários ditadores que governa até hoje os seus países.Por que do ataque? O governo do Obama que não é nada bobo, sabe que o governo do ditador vai cair. Porque não dar uma força e ainda ficar de bem com os opositores, no futuro ser aliado do novo governo.Sou a favor de manifestações contra o governo mas no momento que os lideres da oposição pegam armas para atacar o governo, nesse momento o governo de Khadafi tem total direito de contra-atacar o rebeldes.Nesse momento não é uma manifestações que está acontecendo por lá, sim uma guerra civil aonde a oposição quer tirar e matar o ditador e sua família.Quem não lutaria para proteger a si mesmo e sua família, quem não iria para guerra com aptidão de defender tais pessoas?Que governo que país deixaria que rebeldes atacasse o próprio governo e não atacaria de volta?Quem deixaria alguém bater em você e não atacaria de volta? Você ia deixar acontecer isso?A oposição não quer negociar quer simplesmente matar e seguir o mesmo caminho que ele, virar outra ditadura.Não pense que autorização intervenção da ONU foi para auxiliar a população líbia. Servir de meio para manter o bom senso no mundo.ONU não serve para nada, o G20 controla todas as ações e manipula para servi a seus próprio interesses.Qual é a diferença entre o governo colombiano e o governo líbio ? Qual é a diferença entre as farc a oposição líbia?A Farc quer controlar a Colômbia e a oposição quer controla a líbia. A diferença é os interesses do governo americano e da ONU. O governo de Muammar Khadafi tem meu total apoio. O ocidente não ter o direito e nem o dever de controla os países do oriente médio. Cada país tem o direito de ter sob o seu domínio, sob a sua vigilância a sua nação.

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s