Programa Família Brasileira: como Aécio vai investir em quem mais precisa.

Alguns amigos me perguntam como posso, na condição de “porco direitista”, escolher Aécio, um candidato que está prometendo programas sociais maiores e mais amplos que o Bolsa Família. A resposta é mais simples do que parece e tem, como principal esteio, o fato de que eu quero o PT fora do poder! Estabelecido isso, considero que Aécio, entre as alternativas existentes, é o candidato que reúne as melhores condições de comandar o Brasil neste delicado momento da economia. 

“Mas ele não é nada liberal! Fala em manter programas assistenciais e até em criar outros.” Olha, eu tenho acompanhado os projetos apresentados por Aécio e deu pra perceber que o norte dele é reformar a estrutura do Estado e diminuir o peso da máquina pública. A ideia é gastar menos com a política e os políticos e mais com a sociedade, que paga impostos altos. Em essência, não me vejo em conflito escolhendo um candidato assim.

O que Aécio propõe pra área social não é apenas compreensível (num país ainda com tantos pobres e onde 40 milhões recebem Bolsa Família), como é louvável e representaria um avanço se comparado ao que temos hoje. O Proframa Família Brasileira, carro-chefe de Aécio na área social, é muito mais que simplesmente colocar dinheiro na mão das pessoas. É verdadeiramente um projeto ousado, voltado para tirar da situação de dependência aqueles que mais precisam começar a caminhar com as próprias pernas. 

Na proposta de Aécio, não só as crianças precisam ir bem na escola, como os país precisam frequentar cursos profissionalizantes ou de capacitação. A ideia é efetivamente proporcionar meios para que as pessoas possam se desenvolver e crescer por meio de seus esforços pessoais, com o governo ajudando da melhor forma possível: “O PT se acostumou a só administrar a pobreza. Eu quero que ela seja superada!”, disse Aécio. 

No meu mundo ideal, não existiria programa assistencial de transferência de renda nos moldes do que é a Bolsa Família hoje. Mas não vivemos no mundo ideal e, no real, devemos que analisar as opções existentes. É nesse cenário que a proposta de Aécio pra área social salta aos olhos como uma iniciativa que tem toda condição de ser não apenas um socorro imediato aos mais necessitados, mas também um instrumento capaz de fazer com que tal socorro não seja necessário a longo prazo. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s